Você está aqui: Página Inicial / Institucional / Visão e Missão

Visão e Missão

Instituição

Visão - Ser referência acadêmica regional e nacional.

Missão - Formar profissionais qualificados e éticos para edificarem uma sociedade justa e fraterna, à luz dos princípios cristãos.

A Faculdade Metodista de Santa Maria- FAMES foi credenciada através das portarias de autorização de seus dois primeiros cursos: Curso de Administração - Habilitação em Comércio Exterior, através da Portaria nº 210/98, de 6 de março de 1998, publicada no DOU de 10 de março de 1998, reconhecido pela Portaria 1854/2003 de 14 de julho de 2003, publicada no DOU de 15 de dezembro de 2003, recebeu da Comissão de Especialistas do MEC conceito A. Curso de Letras - Licenciatura Plena com Habilitação em Língua Espanhola e Respectivas Literaturas, através da Portaria nº 213/98, de 6 de março de 1998, publicada no DOU de 10 de março de 1998, reconhecido pela Portaria 1756/2003 de 8 de julho de 2003, publicada no DOU de 9 de julho de 2003, recebeu da Comissão de Especialistas do MEC conceito A. Os alunos do Curso de Administração - Habilitação em Comércio Exterior, obtiveram Conceito A, no Exame Nacional de Cursos - PROVÃO - 2002 e 2003.

Em dezembro de 2003, a FAMES obteve autorização para o funcionamento de novos cursos: Administração com habilitação em Administração Hospitalar; de Educação Física com habilitação em Orientação da Atividade Física, e de Letras Licenciatura Plena em Língua Portuguesa e Língua Espanhola e Respectivas Literaturas. Ambos os cursos tiveram inicio com a realização de processo seletivo realizado em janeiro de 2004. A FAMES teve autorização do Curso de Direito que mereceu parecer favorável da OAB regional e federal, em agosto de 2004.

O curso de Sistemas de Informação foi autorizado em agosto de 2005 e terá inicio em 2006. Seguindo as orientações da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, a FAMES, como Instituição do Sistema Federal de Ensino, tem sua orientação através das seguintes finalidades: 1. Estimular a criação cultural e o desenvolvimento do espírito científico e do pensamento reflexivo; 2. Formar diplomados nas diferentes áreas de conhecimento, aptos para a inserção em setores profissionais e participação no desenvolvimento da sociedade brasileira, colaborando na sua formação contínua; 3. Incentivar o trabalho de pesquisa e investigação científica, visando ao desenvolvimento da Ciência e da Tecnologia, da criação e difusão da Cultura e, deste modo, a desenvolver o entendimento do homem e do meio em que vive; 4. Promover a divulgação de conhecimentos culturais, científicos e técnicos que constituem patrimônio da humanidade e comunicar o saber através do ensino, de publicações e de outras formas de comunicação; 5. Perquirir o desejo permanente de aperfeiçoamento cultural e profissional, possibilitando a sua correspondente concretização, através da integração dos conhecimentos que vão sendo adquiridos em uma estrutura intelectual sistematizadora do conhecimento de cada geração; 6. Estimular conhecimento dos problemas mundiais, em particular os nacionais e os regionais, através da prestação de serviços especializados à comunidade e estabelecendo com esta uma relação de reciprocidade; 7. Promover a extensão, aberta à participação da comunidade, visando à difusão das conquistas e benefícios resultantes da criação cultural e da pesquisa científica e tecnológica.